terça-feira, 25 de setembro de 2012

Poema Triste


Mais uma página deste diário...

Desejos guardados aqui escritos  para serem lidos, para serem desvendados, loucos pra serem tidos como consumados, e que uma alma vivente possa levar até você este caderno em chamas , registros de uma saudade que teima em sobreviver.

Mais um relátorio deste coração que sangra em feridas maculadas, em transe e dor pelo amor que insta e insiste em lhe querer ainda que só. Amando em flagelo, em dor, em  melancolia pelo tempo que passou.

Ah! as palavras torpes que saem da boca, veneno que queima a mente, doença que nunca sara e inconsequente leva a seu tempo á falência dessa esperança, que luta e chora em lhe esperar...só em sonho lhe encontra e se anima ao lhe beijar.

Mais um poema triste... Desses versos que não se cansam de se escrever, em meio a poesias de vida, natureza e amor é este aqui toda a razão de se sobreviver, o amor, a paixão, a serenidade e a vontade de lhe encontrar e novamente seu olhar ver, dentro dos olhos, está dentro da sua alma e nunca mais se perder.

Assim caminha a alma pela multidão, eterna em solidão, e busca seu olhar, sua boca noutras bocas, a sede de lhe amar. Dia após dia, ansiando você. Corroendo as paredes do coração, explodindo de aflição veias e músculos que só pulsam por lhe querer. E chora, e sofre, e geme...Onde andarás?

É mais um desatino escrito, mais um lamento de espírito, mais um desabafo e um desejo de que  pudesses ler e assim ver que minha vida não é nada sem que eu esteja ao seu lado e minha poesia fosse pra sempre sua, nua, livre e verdadeira, escrita em suas mãos pelo desejo que tenho em pra sempre lhe pertencer.

 

Paula Belmino

12 comentários:

Isabelly Nicole Medeiros disse...

Um Poema triste e lindoooo que toca os nossos corações,mais que nos faz enxergar que Deus sabe de todas as coisas,e um dia ele vai nos dizer o porque das tristezas que acontecem em nossas vidas...Parabéns Paulinha Lindooo Poema...

Rebeca Kethely disse...

Não canso de falar que adoro seus poemas,mesmo um tão triste se torna lindo em suas palavras,quero que toda tristeza que esteja no seu coração saia,não deixe nada abater seu coração e busque a felicidade sempre,tristeza não resolveos problemas sejam eles qual for,mudando de assunto a Alice arrasou nesse look,amei!!!

Amante da Liberdade disse...

Abraços de boa noite!

Sidney Poeta Dos sonhos disse...

Abraços de boa noite!

Amante da Liberdade disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Alessandra Aversa disse...

Que lindooo poema amiga,amo viajar entre eles,todos eles me fazem muito bem,me trazem muitas energias positivas,me trazem muita paz,amor e carinho,muito obrigada por sempreeee compartilhar comigo os seus poemas e poesias,bjooosss que Deus abç sempreee á vc ea sua lindaaaaa familia,vcs são muito especiais para nós.

Mimirabolante disse...

Lindo!!!!
bjcas

Anônimo disse...

Poema que transpira emoções.... valeu Paula vc está demais...
9;........................

Minéia Pacheco disse...

Oi Paula,

Mais um lindo poema que encontro aqui, perfeito amiga!
Que Deus continue de abençoando e te dando tão lindas inspirações como essa, amei!!!

Beijinhos...

Anne Lieri disse...

Paula,quanta emoção nessa linda msg!Muitas vezes nos sentimos assim,mas escrever sempre nos faz sentir melhor!Adorei a foto da Alice tb!bjs e boa quarta!

LUDMILA KAREN disse...

Triste e emocionante.

Toninhobira disse...

Quando a tristeza se reveste de beleza.O grito que ecoa pelos campos faz da dor uma declaração amorosa linda, que há de ser ouvida para afago do coração apaixonado.
Um carinhoso abraço Paula.
Um beijo para a menina artista linda.