domingo, 24 de fevereiro de 2013

As flores que eu amei
















As flores sempre foram para mim ofertas da vida
Símbolos de paz
Presentes da natureza para enfeitar os dias.
Cada uma em seus perfumes exóticos
Em cores fortes ou delicadas
Algumas que só soube que existia em enciclopédias
Outras conhecidas em outras terras
Umas nasceram em meu quintal.

Amei flores do mundo
Beijei flores trigueiras
Marcelas na beira da estrada, nos meus passeios de infância,
E Boas-noites nas janelas de meu avô.
Senti nas mãos o frescor de rosas vermelhas
A delicadeza dos girassóis
O colorido dos hibiscos
A altivez das hortênsias
E o doce perfume de flores que nem sabia o nome
Mas que embelezaram minha alma e minhas poesias.

Amei flores do mundo!

Dos cactos ás flores brotando na terra seca e dura
Dos sabugueiros bebi os chás
Provei flores e amores
Amei as flores do mundo
E delas fiz mais belo os dias meus
E pincelo em cores florais.


Paula Belmino
*Fotos de Alice por Flávia Alves

**Alice usa
Vestido Jacris
calçados Pampili
acessório acervo

5 comentários:

Mariana H. Facco disse...

Flores também enriquecem meus dias e me trazem doces lembranças... Sempre que vejo hibiscos recordo-me da cerca da pré-escola recheada de flores, me fazendo recordar a infância, a tranquilidade, e a sensação de liberdade.

Alice, a mais linda e delicada flor desse jardim!

beijinhos

Orvalho do Céu disse...

Olá, querida Paula
O difícil foi escolher entre as duas lindas flores... muito bonito o post!!!
Bjm de paz e bem

✿ chica disse...

Lindas flores ,poesia e linda Alice! Como estão por aí, com vida nova? Ela deve estar adorando! beijos,tudo de bom,chica

Vida disse...

Que fotos maravilhosas o olhar da Flávia nos encantam e a Alice vestida com Jacris arrasando como sempre. Uma bela poesia que traduz oque realmente tem o significado das flores...

Maurélio disse...

Oi Paula, maravilhas as fotos, poesia, flores, vestimentas e encantos,adorei, Beijokas