segunda-feira, 1 de dezembro de 2014

Sejamos laço



Na vida da gente é preciso carinho, é necessário o abraço, o laço que enrola o corpo e alma, o laço que enfeita e dá colorido, nada mais  lindo que o enlace, do laço que enrosca corpo e alma e faz transbordar dos olhos os sentimentos. E  quando a gente tem um vazio profundo um simples abraço de quem a gente ama nos trás a sensação de completude. Um abraço que funde coração  com coração, que enfeita o rosto com um sorriso, um abraço laço,  que aformoseia a alma e de repente brota uma lágrima de amor e de gratidão por ter gente que nos ama como somos e sente vontade de está perto da gente, num abraço apertado, num tocar de mãos com afeto, num laço que adorna o olhar, num enlaçamento profundo de almas que não se conheciam mas que vão aprendendo a conviver juntas e a se desejar, amar nas diferenças, a se completar ponta  a ponta as fitas, as mãos, os dedos , as cordas do coração. Um laço só, sem nós, que se surgirem sejam fáceis  a desatar. Na vida já tão dura e puída, sejamos só adorno, só carinho, perdão e afeição.Apenas laço que acolhe, que enfeita e protege.
Na vida a gente precisa mais que abraço, a gente precisa de laço, que mesmo se faltar o abraço, na oração nos enlace o amigo, no olhar de longe o outro nos afague. Sejamos um laço que acarinha, que ilumina. Um laço de oração estendida,um laço de amizade, de um pensamento desejando paz e boas realizações.
Na vida a gente precisa ser laço, abraço, compreensão, e quando estivermos sem asas , perdidos num voo sem destino, um laço amigo nos traga de volta ao rumo, ao porto, ao ninho de fita e laço revestido. Na vida a gente precisa ser abraço, ser ponte, ser afeto e sentimento, ser laço que enfeita, não somente o vestido, mas que adorna a alma de um ser querido.Ser laço e enlaçar-se sempre em nosso destino.

Paula Belmino



Eu amo laço, de amor, de aizade, de boas lembranças, e laços que adornam cabelos e roupas e por isso aproveito o texto reflexivo para apresentar o trabalho da Dani Infantis, uma amiga que conheci através da Comunidade Crescer e que tem 3 filhos lindos e hoje dedica-se a fazer laços e adornos para enfeiar sua casa e  as meninas das mães que adoram assim como eu ver as filhas bem vestidas e enlçadas, pois quando a gente coloca um laço na cabeça da criança não é apenas para deixar bonita, mas demonstra um cuidado, um carinho, um cafuné. Eu amo alisar os cabelos de Alice, sentir o cheiro da cabeça, fazer cócegas no pescoço percorrendo os dedos desde a moleira (Fontanela) até a nuca, um deslisar de carinhoe  atenção, um sentir a pele, o observar e tatear sensações. para mim enlaças os cabelos da Alice é amor e proteção, é afago e atenção.
Dani Infantis disponibiliza agora um site para vendas desde seus laços entre outros produtos que são mais que  tipo de venda, é uma paixão por seus filhos e pelos laços que a destinou trabalhar em casa para tê-los mais por perto e consequentemente  as vendas deles além de ajudá-la no seu trabalho, reconhece o amor e a dedicação d euma mãe por seus filhos, e trás a nós todas mães e pais laços coloridos para deixar nossas meninas mais produzidas.
Conheçam um pouquinho do trabalho dela:

Aproveite para conhecer a loja virtual que tem preços arrasadores









Foto da Alice usando um lindo laço por Renata Miranda Fotografias
Vestido acervo

4 comentários:

✿ chica disse...

Que lindo,Paula! Precisamos ser mesmo laços, unir as coisas boas!! Lindo ,lindo! bjs,chica

Tina Bau Couto disse...

Linda mensagem e linda ela
Beijokas para as duas

Tina Bau Couto disse...

E abraço claro ;)

Daniela Roos disse...

Que lindo trabalho dela :) vou conhecer!
Bjocas... Dani
PS... hoje postei fotos dos bastidos do editorial... estou contanto os dias para mostrar todas.