sábado, 18 de março de 2017

No meio da rua tem poesia










Se essa rua , se essa rua fosse minha
Eu plantava, eu plantava uma árvore 
Só pra ver, as crianças lerem livros
E debaixo dela todas alegres se sentarem.

Nessa rua eu semeava sementes
Música, encanto, arte e poesia
Seriam as pedras todas enfeitadas
Com amor, ternura e muita alegria.

Se essa rua, se essa rua fosse minha
Eu mandava, eu mandava adornar toda calçada
Com tapetes coloridos e macios e almofadas
E as crianças leriam livros em belas almofadas.

Nessa rua, nessa rua mora um sonho
Dentro dele uma semente de amor
A poesia da vida se mistura
E nos livros desabrocham feito flor.


Que se essa rua fosse minha
Todo dia se contava uma história
Adornada a rua  toda de cantigas
As crianças cirandavam guardando afeto na memória!

Paula Belmino

Essa foi nossa ação literária no meio da rua, na rua de minha mãe, na calçada da vizinha, com amigos e primos, e os livros recebidos do projeto RoMaria de livros, editoras parceiras e escritores que acreditam nesse meu trabalho de incentivo á poesia.
Quisera que a poesia morasse assim em toda rua!






Uma leiturinha em voz alta, porque é preciso ler para quem se ama:


4 comentários:

✿ chica disse...

Que coisa boa e que cada vez mais a rua seja enfeitada com ela, pra compensar,pois tem tantas coisas feias... bjs, chica

José de Castro disse...

Que beleza, amiga.. Parabéns pelo trabalho... Temos mesmo que semear poesia e histórias... Semear livros e regar a leitura... Abraço...

Teresinha Nolasco disse...

Que belo trabalho amiga!!! Como é bom uma rua tranquila, onde nela possam sentar crianças, espalhar livros debaixo de uma arvore... Acho que alegria e vida é isso!

Meus parabéns...

Beijos e siga sempre em frente com esse belo trabalho que valorizo muito..

Tê e Maria ♥

Kunti/Elza Ghetti Zerbatto disse...

Muito legal essa atividade e iniciativa!
Parabéns Paula!
abração com carinho