terça-feira, 21 de novembro de 2017

Sonho de Liberdade



É madrugada e minha alma  sonha
no gorjeio de um pássaro 
ser a voz a cantar
benevolências ao mundo. 
No seu canto bem cedo
me ponho a dormir por dentro
e sonho de ser sua asa.
Na pequenez da ave
sou  escuridão debaixo das penas
ansiando  a luz da alva.
E é quando o sol brilha forte
e o pássaro alça voo
que  me encho de azul
nesse voo de liberdade.
Sou pequena ave...
sou sua  asa,
sou a larva e a pulga.
sou nada!

Paula Belmino

Essa ilustração de Danda Trajano foi feita para um outro poema meu o Bem-te-vi e aqui mostro com esse lindo sonho de ser pequena ave. A artista além desse tem feito outras ilustrações que vou aos poucos mostrando por aqui.


Rosângela Trajano é conselheira editorial licenciada e bacharel em filosofia, mestra em literatura, poeta, ilustradora, romancista e escritora para crianças. Publicou o seu primeiro livro em 1999 intitulado “Carrossel de Poesias”. No ano 2002 ganhou o prêmio Zila Mamede de Poesia. É criadora do Projeto Giges, um projeto que conta histórias para crianças na rua. Criadora também do método Lino de filosofia para crianças. 

Conheçam seu trabalho no site www.rosangelatrajano.com.br 

4 comentários:

✿ chica disse...

Poesia linda e a ilustração idem! Gostei muito! bjs, chica

Cidália Ferreira disse...

Que beleza de poema!! Amei

Beijinhos e uma tarde Feliz

Jack Lins disse...

Que bela poesia Paula, parabéns.

LUCONI MARCIA MARIA disse...

Paula dei boas risadas na postagem da galinha que pintam as perninhas de amarelo, mas tinha que deixar meu comentário aqui, menina que inspiração maravilhosa a tua cancão, adorei, muito sensível e mesmo sem ouvir a música só lendo a gente sente sonoridade em teus versos, parabéns e a pequena tocando ficou muito bom eu amei, tudo perfeito parabéns bjos