domingo, 25 de setembro de 2011

O que é o amor?


Um sentimento que liberta?

Pois eu estou presa á sua alma!

Um estado de perfeição?

Eu sou imperfeita sem sua presença

Um desejo incontido?

Em mim contém todos os desejos de sentir você

Uma paz de espírito?

Eu louca, ansiosa, não há paz alguma sem lhe ver.

O que é o amor?

Asas livres?

Pois só alço voo aninhando-me ao seu colo.

É o amor um Sentimento puro?

Eu tenho os mais impuros desejos

Peco sem remissão

Não há pra mim nenhum perdão

Sou pecado mortal
É o amor santo?
Sou heresia
Em mim só transborda esta paixão poesia

Um misto de verdade, sonho e alucinação.

O que é o amor?

Um voo ao horizonte

Rumando ao bem que lá se esconde

Pairando o mundo de benevolência?

Por que no que sinto sou acuada
Acorrentada a você

Não quero voar, não quero nada,

Só quero estar a seus pés.

Egoísta eu o quero só pra mim

Não há doação de palavras.
Todos meus versos de amor são pra ti.
E pra mim, apenas em mim seja tua morada!

O que é o amor?

Um sentimento que preenche o vazio?

Eu oca sou de seus carinhos

Anseio mais e mais e mais e mais...

Nada me contenta este amor contento

Nada me acalma este amor paciente

Em nada me satisfaz este amor maior

Quero você...

Quero livre ou presa estar a este sentimento

Mesmo platônico, insano e doente

Quero sentir este inexplicável desejo.

Quero o beijo deste amor que me leva á vida e á morte

Num mesmo instante sou alegria, tristeza azar e sorte. 
O que pode ser o que sinto?

Só pode ser isto o amor...

Seja o que for, quero para sempre lhe pertencer
E a este sentimento me abrir  feito flor!


Paula Belmino






 



























 

 










 

7 comentários:

Paty Gocalita disse...

quelindooo.....abrilhantou o meu domingo!Beijo

✿ chica disse...

Muito linda,Paula!beijos,ótima semana,chica

Su disse...

oi moça querida... como está tudo lindo por aqui, estava com saudades... amei a poesia e sua foto tá linda demais...

adorei a Alice na postagem de baixo, comemorando a primavera... sua anjinha barroca está cada dia mais linda!

viu só a idéia do chá! Ainda está em tempo, você pode levar numa garrafa, pode ser gelado ou quente...

beijos e um domingo lindo pra vocês!

Su.

Ana Paula disse...

Intenso e lindo. Parabéns Paula! beijo

Andrea Griese disse...

Adorei Paula, vc escreve muito bem....Bjos e ótima semana.

Anne Lieri disse...

Paula,que coisa linda esse amor!Até compartilhei,pois ficou um sonho!Bjs,

Vida disse...

Lindo demais esse poema, mais ainda a compreenção que ele traduz. Você está me deixando apaixonada, pois os seus poemas são inspiração para amarmos cada vez mais. Sua foto também está show, meus parabéns tudo muito lindo.