sexta-feira, 8 de setembro de 2017

Polícia Mirim









Polícia Mirim

Cidadania
Respeito à Pátria 
aos valores éticos
na promoção da infância.
Com objetivo de preparar para a autodisciplina
para as boas escolhas
Valorizando o desenvolvimento da criança.
Com ordem e decência
Saber ser amigo 
da natureza, da vida, do outro.
Companheirismo, solidariedade
e espírito de empoderamento
para ser exemplo.
Buscar a paz na sociedade
livrando os jovens do caminho do mal.
Polícia mirim:
Um projeto educativo social
que visa a promoção da vida, e do bem estar
oportunidade de aprendizagem
onde todos são tratados de forma igual.
Liberdade de escolhas
esporte, lazer,
estudo voltados para a boa educação
música, arte, meio ambiente e do saber viver.
A poesia do bom relacionamento
com todos para direitos e deveres obedecer.

Paula Belmino

E o grupo de Polícia Mirim fez bonito aqui na nossa cidade e nas cidades vizinhas seguindo a tradição do desfile cívico da independência.
As mais de 60 crianças participantes, entre elas minha Alice demonstraram garra e dedicação ao que foi aprendido durante os meses de preparo com os instrutores Vagner, Geonardo e Thiago.

Hino Nacional- Desfile cívico Lagoa Nova



Desfile na cidade de Currais Novos


E ainda na data de hoje se apresentaram na cidade de Equador/RN








Conheça  o Projeto:








Em princípio, a execução do Projeto Policiais Mirins  visa atender 60 crianças (homens e mulheres), na faixa etária de 10 á 15 anos, tendo o seu aumento gradativo a cada ano, nas mais diversas áreas do conhecimento humano, com uma carga horária de 950 horas/aula, correspondente a 03 (três) anos de duração para cada criança ou adolescente
Participante, com titulação conferida no final de cada ano cumprido, observando-se questões como disciplina, relações humanas, ética, cidadania e exemplo de vida.

Enfim, esse projeto busca proporcionar as crianças envolvidas nessa proposta, momentos de reflexão e aprendizagem, uma vez que se pretende também preparar, juntamente com a família, escola e sociedade, crianças e adolescentes na esfera social, permitindo que os mesmos possam ser integrados no meio ao qual estão inseridos, sem discriminações, limitações e exclusões relativas ao nível social em que se encontram, bem como prepará-los como agentes multiplicadores através do bom exemplo, na busca por uma qualidade de vida capaz de dar a todos os mesmos direitos e deveres.

Durante os três anos do programa, as crianças receberão instrução nas áreas sócio-educativas e culturais, como direitos humanos, cidadania e higiene pessoal, além de ações preventivas, técnicas para iniciação musical e artes cênicas. O esporte também faz parte do currículo do projeto, assim como ações de geração de renda como reciclagem de papel e confecção de instrumentos musicais. O acompanhamento do rendimento escolar do aluno será o ponto primordial, tendo em vista a realização de o referido projeto acontecer no contraturno, e o aluno estar sendo monitorado pela equipe escolar.

Fonte: 


3 comentários:

✿ chica disse...

Adorei ver Alice tão engajada e compenetrada.;Lindo isso! bjs tudo de bom! chica

Lucia Silva disse...

Também adorei ver Alice comprometida e exercendo, tão compenetrada, seu papel de pequena cidadã na estatura, mas grande no crescimento pessoal de valores e respeito à Pátria amada.
Beijos no coração!

Toninho disse...

Que legal Paula, vi um projeto parecido em Goiânia numa cidadezinha do interior. Muito interessante no quesito de cidadania e elemento multiplicador na sociedade a qual esta inserido. O Brasil precisa mesmo deste exercício e preparação dos adolescentes, para que o futuro possa ser sonhado melhor.
Estão de parabéns os idealizadores e colaboradores.