sexta-feira, 30 de julho de 2010

Liberdade







Liberdade azul



Singela paz



Cor de brincadeira



Voo sob as estrelas



E entre as nuvens de algodão



Eterna esperança



E forte luz no coração






Liberdade azul



Refletindo o céu no olhar



Pipas, papagaios



Cortando os ares



Voando querendo o mar



E mergulha dele a vida



Pureza e felicidade



Luz a iluminar






Liberdade azul



Criança a brincar



Pássaros e borboletas



Com a pipa a dançar



Alçando asas de satisfação



Aprender....



Brincar...



Voar!






Ser criança



Ser como a pipa



Apenas livre no céu estar.









Paula Belmino



**inspirado nas fotos de minha Alice, linda empinando pipa, nas férias por Goiás.

4 comentários:

Barbie Girl disse...

Votei na sua filhota...

Beijos

Zezinha Sousa disse...

Oi, minha linda, obrigada pela visita, volte mais vezes. Vc e Alice estavam ótimas na TV, Alice ficou muito à vontade, essa menina vai longe. Pode contar comigo querida, vou votar na sua filhinha agora mesmo. Vou pedir a alguns amigos que votem tb. Bjos!!!!

Viviane Moraes disse...

Lindo o poema, e a sua filha é lindaa..!!

Bjs.sz

Candi Doces disse...

Que delícia de liberdade.
a Alice está linda.
Vi teu comentario lá no blog, obrigada pela força,é mesmo muito difícil ver os filhos sofrendo.A Bibi é madura demais o que faz com que ela muitas vezes sofra mais cedo por coisas que não teria necessidade de sofrer com a idade dela.A menina é meio precoce.
Estamos orando por ela, ela quando ora pede a Deus que venha a ter 1m75cm. Ela está orando pela Alice também.
Beijinhos