domingo, 22 de outubro de 2017

Há festa no céu pra Ângela Lago








O céu se abre
chama o pássaro azul
seu pouso de luz em festa.
E de lá brilha para sempre,
acena e nos conta histórias
feito estrela a piscar
eterna!

Paula Belmino


A festa no céu é um conto de nosso folclore e foi lindamente ilustrado e escrito por Ângela lago que hoje nos deixou para fazer festa no céu.
Uma estrela que se junta às tantas constelações para brilhar infinitamente. Por ironia do destino esse livro dela foi lido esta semana na escola, hoje a Hadassa minha sobrinha na foto acima, quando soube ficou triste, e ai expliquei que agora a grande mestra contará histórias no céu, e que nós aqui continuaremos vivendo sua vida por meio dos livros.

Descrição da imagem:

Lá no horizonte se põe a
estrela maior pra receber outra estrela 
que seguiu a estrada de flores 
e pintou pra gente a vida em cor.

Paula Belmino


Quando vi a imagem sugestiva do blog Filosofando na vida de Lourdes na brincadeira Poetizando e Encantando vi um caminho de conquistas, um céu aberto para receber aqueles que amamos e deixam aqui saudade, mas ficarão guardados para sempre em nossa memória afetiva através de suas boas obras. No caso de Ãngela Lago deixará nossa memória literária enriquecida, por poemas e contos, ilustrações que nos faz sonhar. Fica para sempre entre nós, pois um escrito não morre, escreve em nosso coração para sempre sua história, faz uma estrada de sonho e poesia que nos leva além da imaginação.

Vá em paz Ângela lago pela estrada celestial e aqui trilharemos pelo caminho dos livros de sua obra a criatividade e a fantasia.




Obras da autora



Alguns Livros de Ângela-Lago
Cena de Rua, Editora RHJ, Belo Horizonte, 1994
Tampinha, Editora Moderna, São Paulo, 1994
A festa no céu, Editora Melhoramentos, São Paulo, 1995
Uma palavra só, Editora Moderna, São Paulo, 1996
Um ano novo danado de bom, Editora Moderna, São Paulo, 1997
A novela da panela, Editora Moderna, São Paulo, 1999
Indo não sei aonde buscar não sei o quê, Editora RHJ, Belo Horizonte, 2000
Sete histórias para sacudir o esqueleto, Companhia das Letrinhas, São Paulo, 2002
A banguelinha, Editora Moderna, São Paulo, 2002
Muito capeta, Companhia das Letrinhas, São Paulo, 2004
A raça perfeita, Ângela Lago e Gisele Lotufo, Editora Projeto, Rio Grande do Sul, 2004
A casa da onça e do bode, Editora Rocco, Rio de Janeiro, 2005
A flauta do tatu, Editora Rocco, Rio de Janeiro, 2005
O bicho folharal, Editora Rocco, Rio de Janeiro, 2005
João felizardo, o rei dos negócios, Cosac-Naif, São Paulo, 2006
Um livro de horas, Editora Scipione, São Paulo, 2008

25 comentários:

FILOSOFANDO NA VIDA Profª Lourdes Duarte disse...

Minha querida, vim apreciar sua linda participação no Poetizando e confesso, chorei emocionada com a linda homenagem que fizeste a essa linda criatura. Que a alma dela descanse em paz e que continue brilhando lá no céu. Parabéns! obrigada, seja sempre bem vinda! Tenha um domingo de paz.Bjus

FILOSOFANDO NA VIDA Profª Lourdes Duarte disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
✿ chica disse...

Que pena essa partida, mas o céu se alegras...Linda tua participação bjs praianos,chica

Genilda Maria da Silva disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Genilda Maria da Silva disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Genilda Maria da Silva disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Genilda Maria da Silva disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Genilda Maria da Silva disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Elza Interaminense disse...

Ângela, vim apreciar sua participação porque também participo e estou com lágrimas nos olhos com uma homenagem tão bela. inspirada por essa imagem prestasse uma linda homenagem a uma alma que partiu para outro plano. Uma alma evoluída assim pode ter certeza amiga, brilha como esse sol lá no céu. Parabéns, bjus

Elza Interaminense disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Elza Interaminense disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Elza Interaminense disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Elza Interaminense disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Elza Interaminense disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Elza Interaminense disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Elza Interaminense disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Elza Interaminense disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Elza Interaminense disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
CÉU disse...

Olá, querida amiga!

Há tempo, que não passava por aqui, mas, por vezes, não associo o nome de seu blog a você. Falha minha, decerto!

Então, uma estrela partiu hoje da terra para se juntar a outras, que a esperam com impaciência lá no céu. Meus sentidos pêsames!

A tua sobrinha é linda e doce e o gesto de estar com o livro da Ângela Lago nas mãos, é uma prova de afeto bonito e terno.

Muito boa sua participação na "brincadeira" do domingo da Lourdes. Conseguiste juntar a partida da Ângela com a imagem. Ela já entrou no caminho verdadeiro.

Beijos e boa semana.

Lucia Silva disse...

Boa noite Paula! Linda e emocionante sua homenagem a essa alma poética que retorna ao Pai e lá, com certeza, continuará poetando e brincando com os anjos do Senhor.
Beijos e uma semana abençoada!

Sônia Barros disse...

Linda homenagem, Paula querida!

Um beijo e o meu carinho.

Elza Interaminense disse...

Boa noite Paula! Primeiramente desculpe toda essa confusão. Troca do seu nome e os comentários que não conseguia postar e sem entender fiz várias tentativas. deletei-os mas parece que o erro ficou pior. Vou lhe explicar, sou nova na blogsfera estou aprendendo com o blog da biblioteca em que trabalho. A Profª Lourdes, minha colega de trabalho me incentivou e juntas criamos esse blog. estou amando! tem muito o que aprender, mas errando e acertando vou chegar lá! Espero.
Desculpe mais uma vez. Parabéns pela homenagem, que a alma da Ângela descanse em paz. Abraços

Genilda Maria da Silva disse...

Olá Paula, Voltei em seu blog depois de ler seu comentário lá no blog da amiga Elza, vim conferir, também fiz confusão com seu nome, desculpe.
amiga, amei sua participação e me emocionei com a homenagem que fez a Ângela. Que a alma dela descanse em paz e continue brilhando no céu. Parabéns pela sua inspiração.
Desculpe mais uma vez. Bjus

Eloi Bocheco disse...

Que linda homenagem para Ângela Lago! Onde estiver ela deve ter se encantado com as vibrações de amor e carinho por sua obra magnífica. Muito legal também as dicas dos livros, vídeos, matérias sobre a autora. Obrigada pela delicadeza e imenso amor com que trata nossos autores de LIJ, querida Paula! Um abraço bem grande Bjs

Toninho disse...

Uma estrela lá no Céu que sempre se encantou com o poente, que via sobre as serras, por entre as arvores de suas montanhas. Ângela para sempre brilhante dourando os céus. Perfeita sua emocionante participação no poetizando e encantando, pois Ângela era um encanto da poesia leve e visual.
Perdemos muito mas fica sua obra.
Bjs de paz.