segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

RoMaria de Livros e Versos









Vão as Marias por caminhos de paz
Observam insetos
Voam nas asas de pardais
E à beira do abismo de lá precipitam os sons de amor
Ecoando aos quatro ventos poesia
Anseios de ternas manhãs que alumia a alma
E cantem sereno em assovio
O sorriso que more ao lado do coração
Em livros abertos a bordar novo olhar
Pra que além da visão se alcance o mundo com as mãos
E o transforme em delicado fio dourado
A tecer a bondade e a ternura nos corações.

Paula Belmino

Em dias de férias nosso sossego é mesmo ler e viajar pelos livros, numa RoMaria divertida
Com momento de relaxamento entre as coisas da natureza, contemplando as plantas, ouvindo o som dos pardais, brincando em cima das árvores como borboletas livres  que voam além:
No livro, no sonho , no amor, nas asas do bem querer,
Uma RoMaria de abraços, de carinho e afetuosa memória afetiva que vai se criando nos laços ternos da amizade.

Nossa manhã de segunda-feira de carnaval foi assim , além da folia, o brincar verdadeiro e o imaginário latente sobre os versos e contos infantis, com um cenário paradisíaco onde predomina o silêncio da alma e a música bela do vento e de pássaros mil, uma manhã divertida com as crianças a ler e brincar.
Alice é apaixonada pela amiga Anaiara filha de minha amiga de escola e de trabalho, e que há 3 anos dividem também a mesma sala de aula, nessa amizade e pensamento d elevar poesia eu e Vitória combinamos de fazer um ensaio com os momentos delas dividindo leitura e poesia, também com os priminhos que estão passando o feriado por lá.
Aproveitamos que a Maria Cininha enviou bonecas para enfeitar o cantinho da leitura e a camiseta de divulgação do projeto de arrecadação de livros para doar a quem precisa e fizemos um lindo ensaio no sítio entre flores e plantas.
Eis uma parte aqui, mas tem muitos momentos lindos também com pijamas Dedeka que nos apoia nessas rodas de leitura e de levar histórias por onde for, veja só que bela Chapeuzinho Vermelho e aguardem que logo divulgo muito mais por aqui:










Para conhecer e ajudar o projeto RoMaria dos Livros você pode enviar livros para o endereço:

Participe! Doe livros infanto-juvenis!
Envie para o Estúdio Mariacininha:
Praça da República, 465, cj.63 | Centro | SP | 01045-001
Informações: contato@estudiomariacininha.com.br

sábado, 25 de fevereiro de 2017

Tem monstro aqui em casa





Os monstros vivem dentro de nós, de todos os tipos causados pela ansiedade, pela insegurança pela falta de compreensão. As crianças são as mais afetadas, algumas vezes envolvidas nas brigas dos pais, são confundidos temores e anseios com monstros que moram dentro do quarto, invisíveis , mas verdadeiros que se  mostram  em pesadelos, causam irritação e doenças psicológicas que influenciam no desenvolvimento afetivo, psico-social e até mesmo na saúde física da criança, pois com noites mal dormidas o crescimento será afetado.



O livro da Editora Sinopsys acaba de lançar o livro: Tem monstro aqui em casa , com uma maneira fácil de entender conta a história de Caio uma criança que todas as noites treme de medo e não há como se livrar dos monstros que o espionam no quarto, mesmo conversando com o pai que diz monstro não existir, Caio não sente segurança e para piorar não pode demonstrar fraqueza, pois seu pai diz que menino não chora.
certa noite acorda sob a tormenta de gritos e batidas que vem da cozinha o que seria?
Um livro para ler com os filhos e ver como influenciamos no bem estar da criança de acordo com nosso comportamento e como resolvemos nossos conflitos.
Ao ler com a Alice e os primos Amós e Apolo, Eles disseram sempre sentir medo mesmo sabendo que monstro não existe, mas que ao anoitecer em seu quarto um pequeno barulho pode fazer o coração bater mais forte, dar um frio na espinha, a barriga esfriar.
Apolo disse que quando mudou-se de casa ouvia um barulho lá fora que o impedia de dormir e dava um grande susto, só melhorou quando descobriu que era a cerca elétrica.
As crianças fantasiam, criam monstros e precisam de nossa proteção e segurança para se livrar dos medos infantis que os fazem paralisar. Mas e quando são os pais, os que deviam cuidar , que fazem os monstros serem criados na imaginação da criança?
Este livro escrito por  Miriam Rodrigues e Mauro Freitas é de grande importância e reflexão para estarmos sempre alertas de como agimos, falamos e nos posicionamos frente aos medos que as crianças enfrentam para que estes não se transformem em monstros de verdade e até distúrbios e doenças comportamentais.



Mais sobre o livro:

RESENHA
Monstros existem? Dependendo de como agimos no nosso dia a dia,  de como lidamos com o estresse, de como tratamos as pessoas ao nosso redor, a resposta pode ser "sim". E, às vezes, esse monstro está mais próximo do que imaginamos. Talvez ele possa nos ser invisível. Mas com certeza aterroriza quem mais amamos. 


SOBRE OS AUTORES

Miriam Rodrigues
Especialista em Psicologia Clínica. Pós-graduada em Me-dicina Comportamental pela UNIFESP. Professora do curso Aprendizagem Emocional do Instituto Sedes Sapientae. Autora do Programa Psicoeducacio-nal Educação Emocional Positiva. Psicoterapeuta de Crianças, Adolescentes e Adultos com 15 anos de experiência. Autora de livros de psicologia positiva e educação emocional. 

Mauro Freitas
É ilustrador e diagramador de livros infantis. É autor de dois livros Preto e Branco e Ser ou Não Ser?Eis Itamar!, este último em coautoria.


DADOS TÉCNICOS
ISBN: 978-85-64468-96-2
Formato: 23 X 16cm | 32 páginas | 112g
Acabamento: Brochura







quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Sebastião( Dica de Livro)










E assim nossa tarde ontem foi encantada com o momento literário da história de Sebastião de Nice Lopes para as crianças da educação infantil, na escola Caminho para o futuro.
Um livro encantador que fala de sentimentos, de diversidade, de relacionamentos e  de que a gente sempre precisa aprender a conviver com nosso interior e vendo as pessoas como elas são,respeitar, conviver, mas também de alguma forma ajudando, trazendo alento, com poesia, com um sorriso, com um abraço, uma oração, uma palavra que faça o bem.
Sebastião é a história de um menino que nasceu com uma doença no coração, uma flecha no peito que o impede de sorrir, de fazer amizades, de se relacionar normalmente com os outros.
Sempre sozinho e isolado ele descobre paz nos livros, na biblioteca, e seu único amigo é o silêncio, mas ainda se sente triste pois gostaria de tocar o céu, de conversar com animais, de sentir a festa envolver seu coração sempre ferido e triste, uma dor que afasta as pessoas, e se mostra em suas lágrimas
Um dia, no entanto ele conhece a felicidade... O que seria?
Quem poderia fazer Sebastião sorrir?
Sei que a história termina com a oportunidade de vivenciar o belo, e nos dá uma lição de que mesmo na dor, na solidão, na angustia,a inda assim podemos ser felizes nas pequenas coisas e que a felicidade mora ali bem perto de nós, até mesmo na luta diária que enfrentamos diariamente. Num coração ferido há espaço para uma terna delicadeza de sorrir.
Um conto mágico que trata de um assunto ainda difícil de se tratar com as crianças
Nice de forma poética e com traços lindos de um menino de cabelos vermelhos faz o apelo à nossa sensibilidade para olhar com olhar de ternura as crianças e suas deficiências ou dificuldades de aprendizagem, de socialização, sem didáticas no entanto, narra e faz o leitor refletir e rever seus prejulgamentos e nos destina a agir de maneira amorosa e sempre alerta para a psicologia infantil
As crianças da Escola Caminho para o futuro adoraram!!!

Para conhecer o livro:


















Sebastião

Um singelo poema narrativo que nos aproxima de
uma dura realidade: assim é Sebastião,
um livro que trata a doença do personagem – tema
complexo para o universo infantil –
de forma sensível e delicada.
O livro conta a história de Sebastião, um menino
que nasceu com uma flecha fincada no coração.
O menino cresce e se dá conta da sua condição.
Mas, apesar de todo sofrimento, Sebastião
acredita que ainda pode ser feliz.
ISBN: 978-85-5500-013-3 
Autor: Nice Lopes

Editora: Cuore
Edição: 1° Edição | Páginas: 32 | Ano de Publicação: 2016



Mais sobre a autora e ilustradora














Nice Lopes vive em Santos/SP, pertinho do mar. Formada em Publicidade e Propaganda, é ilustradora e artista plástica. Seu traço já percorreu o país e o mundo. Teve seus trabalhos publicados em revistas de circulação nacional e no jornal nova-iorquino The Wall Street Journal. Sua arte também aparece em dois grandes livros, considerados a “bíblia” dos ilustradores: Illustration Now!2 e Illustration Now Portraits, ambas da editora alemã Taschen. Como ilustradora trabalhou na criação de livros infantis de diversos autores e isso a incentivou a escrever as histórias que já habitavam seu imaginário. Sebastião é seu livro de estreia como escritora. Em sua obra, a artista revisita sua própria infância e procura traduzir parte de seu mundo fantástico onde convive com personagens oníricos, cercados de lirismo e poesia. Você pode conhecer um pouco mais do trabalho da Nice, acessando seu site: www.nicelopes.com.
Assistam o BookTrailer

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017

Um lobo mau diferente







De praça em praça
Com graça
Os três porquinhos passeavam
Junto com eles 
a Chapeuzinho Vermelho
Doces e frutas na cestinha
Pra vovó logo ia deixar
Mas antes os livros a ler e brincar
Os amigos conversavam
E falavam de um tal lobo
Um lobo mau
De quem todos sempre e sempre
Em todas as histórias fugiam
Ninguém perto dele queria chegar.




O Tal lobo temível e terrível
Sempre a oferecer perigo
De tal modo era constrangido
Pelos porquinhos
Pelos príncipes e princesinhas
Pela vovó da Chapeuzinho.
Um lobo feroz
Com dentes e unhas afiados
De longe parecia sempre observar
Queria brincar




E o que seria  verdade?
O lobo mau não podia explicar
Porque tanto medo causava
Por sua aparência e índole de mau
O certo é que na roda de brincadeira
Das festas queria participar
E amizade com todos começar.
Mas como essa história findará?


Paula Belmino

Inspiração em nossa contação de histórias na ação de incentivo à leitura na praça pública com o livro: Este é o lobo de Alexandre Rampazo pela editora DCL
Além de falarmos sobre os medos infantis, as crianças puderam dar suas impressões sobre a história, encenar e brincar
Olhem que linda a Chapeuzinho Vermelho Hadassa que usa Capuz que faz parte do pijama da Dedeka, empresa parceira sempre a nos apoiar nas ações de promoção de uma infância saudável, e logo mais conto mais aqui.


Contamos a história tradicional da  chapeuzinho vermelho onde as crianças puderam ler e brincar com este livro almofada e depois fomos fazendo as analogias de outras histórias inspirada nesse conto dos irmãos Grimm






video

Mais sobre o livro:



  • Autor: Alexandre Rampazo
  • Assunto: Literatura
  • ISBN: 9788536822341
  • Idioma: Portugues
  • 1 edição 2016
  • BROCHURA COM VERNIZ | 56 PÁGINAS | 15X29CM

Sinopse

Quem  viu histórias com o lobo? Quem já viu histórias sobre o lobo? Em "Este é o lobo" descobrimos uma das faces desta figura que tanto  causou medo em muitas 
históriasAquiele aparece como personagem principal e revela mais sobre nós mesmos do que dele. Um livro com ilustrações delicadas e sensíveis que surpreende e provoca reflexões!

domingo, 19 de fevereiro de 2017

BUGBEE KIDS | Inverno 2017




No campo entre as flores 
crianças a brincar
São delicadezas da natureza
Pássaros a conversar

Ao som do amor
Falam de paz
E a vida segue colorida e em festa
Crianças e animais
Juntos contam segredos
Cantam a vida 
E fiam histórias
Belos momentos 
Pra se guardar na memória.

Crianças e seus brinquedos
Bonecas de pano
Cavalinho upa-upa
Vassouras que voam
E as estrelas podem tocar
Outra vez no riacho se banham
Sempre livres no faz de conta sonham

São fadas
São borboletas
De tudo que querem ser
Livres para brincar com a terra
Subir nas árvores


Árvores que a infância espiam
E ofertam cheiros e sombra
Doce companhia
Momentos de empatia
E a vida assim é pura poesia

A vida no campo tranquila
É paz que se anuncia
Na semente que germina
No fruto que adoça o paladar
Nos animais que vivem livres como as crianças a brincar.

Paula Belmino




 A Bugbee acaba de lançar sua coleção verão cheia de inspiração e colorido, remete ao vintage , ao descolado dos looks dos anos 70 com bossa e um olhar pra natureza, que vai do hippie ao folk com clássicas mangas sino e calças flares super confortáveis.
A pegada na moda urbana com print de bichinhos são o hit da coleção que tem algumas inspirações para as meninas:




GIRL GANG

O tema surge da onda de empoderamento feminino, trabalhado em uma pegada street divertida. É o poder das garotas! Fofas mas fortes, elas formam uma gangue que pode mudar o mundo! Girl Gang se inspira no movimento underground do Hip Hop, na inteligência das meninas, e na ideia de que “azul” não é só para meninos, fazendo surgir três famílias de produto.
A família Hip Hop busca a auto expressão, trazendo música e frases encorajadoras, mostrando que as meninas são fofas mas fortes. A família Clever traz a inteligência das meninas brincando com o símbolo da coruja, com os balões de fala de quem tem opinião, e com os patches, que há muito são símbolo de auto expressão e personalização. Já a família Sneakers, mostra o lado cor-de-rosa em harmonia com o azul, que são só para meninas de personalidade forte - aquelas que adoram um tênis bem confortável pra andar de skate, seja ele estampado de flores ou não.

 A coleção
OH, SIMPLE LIFE! traz um clima de romance dos campos e jardins, das plantas desabrochando nas fazendas e sítios, parques e onde a natureza possa existir:




O caminho para a felicidade é de estrada de chão. A vista é linda, tem florzinhas do campo, borboletas voando e muita diversão. Ah, a vida simples no campo! Tem noite estrelada, campo de flores, bichos da fazenda e boneca de pano.
O azul profundo do céu à noite com o colorido do campo cheinho de flores faz surgir a família de produtos Flores do Campo. A ideia de aproveitar as pequenas coisas da vida, as flores, as borboletas e os animais inspiram os produtos. A boneca de pano vem estampar a família de produtos Dolls, que traz a delicadeza e a diversão das brincadeiras simples. Texturas de tricô e renda ilustram a vida simples do campo. A família de produtos Raposas, por sua vez, brinca com o selvagem tendo a raposa como protagonista. Uma atmosfera folk surge com mangas amplas, modelagens soltas e aviamentos específicos, com cara de artesanal. Ah, quem não ama a vida simples no campo?


 E por fim a tendência:
GYPSY CAMP 




           
Seja bem-vindo ao acampamento cigano das garotas Bugbee! Esse é o cenário perfeito que inspira a nova coleção de inverno. O estilo de vida dos povos nômades e o contato com a natureza, traduzem o espírito de liberdade desse tema! Assim como a década de 70, que aparece com uma pegada folk,  presente da modelagem à estamparia.
Um olhar mais atento para a natureza garante novas inspirações, sendo assim, os animais peludinhos como o coelho e o gatinho foram transformados em lindos motivos para os prints. Os cavalos também merecem destaque e formam uma charmosa padronagem camuflada. E para completar o time, o xadrez em salmão + caramelo vem acompanhado de corações para deixar tudo mais romântico!


Na modelagem, as peças tem-que-ter são a saia A, a calça flare, as blusas com manga sino, a salopete, o cardigan e o vestido com capinha. Entre os tecidos, o destaque está no Veludo Molhado que recebeu a sublimação “Rabbit", no Suede, no Matelassê Trançado, além da versão sintética do Pelinho. Esse último foi usado para criar peças inteiras com o bolero e a saia e como detalhes em combinação com outros tecidos.
Para decorar as peças, não poderia ficar de fora o lace-up, o entremeios e as franjinhas que deixam o visual com um ar setentinha. As cores terrosas como o caramelo, o laranja e o bordô ganharam destaque valorizando um certo naturalismo!
Embarque nessa caravana e venha descobrir o mundo com a gente!





·      Masculino

UNDERGROUND

A cena urbana é a inspiração deste tema. Prédios, arte, rodas e música criam uma atmosfera moderna e cosmopolita. O skate e a bicicleta aparecem como meio de locomoção e lazer dos meninos nascidos na cidade, ilustrando estampas localizadas. A arte de rua surge em frases, graffiti e artes das camisetas com texturas ricas de tinta e muita cor. A música também aparece representada por headphones e mixtapes. Tudo em meio a modelagens confortáveis como calças jogger, que tornam o cool ainda mais sensacional. Estilo com conforto.

HIT THE ROAD

Pé na estrada! Pega um mapa e não para.
A road trips são a inspiração desse tema, onde o desapego e a curtição das pequenas coisas da vida é o que move. Acampar na praia, ou no meio do mato, fogueira acesa, barraca montada e o cachorro do lado. Fotos de carro na estrada, moto, letreiros de placas, camping, pinheiros, florestas e lindas paisagens ilustram as estampas localizadas. As modelagens são confortáveis, de malha e sarja, e surgem às vezes utilitárias, como na parka e na falsa jaqueta jeans, como um look “pé na estrada” pede.




Espiem o vídeo:


Brincando com a Chica (leitura)


                                                    1- A leitura é semente em terra fértil.



                                        2- Com  leitura tecemos e transformamos  a vida.


                                 3-  Leitura é inteligência emocional que torna humano.



veja a leitura como chave mestra para mudar a nós, ao mundo. A leitura cura, sara, salva de tudo que se pode ser salvo.
As imagens de nossos momentos importantes de leitura na praça que tenho promovido com as crianças para entrar nessa brincadeira da Chica no blog Sementes diárias  que consiste em criar frases usando SETE palavras 

A palavra da semana é:



Participem também!!!