terça-feira, 20 de outubro de 2015

Dia do Poeta




Ser Poeta

Escrever miudezas
Ater-se  ao delicado
Choras lágrimas de um amor perdido
as dores do mundo
Ansiar por uma esperança  e
Escrever  sonhos alados.
Guiar-se pelas cordas do coração
Não ter razão
Ser essência
Ser paixão!
Viver de gotas de chuva, e caminhar entre a natureza
Fazer das árvores seu chão
E do céu altar para sua cabeça.
Voar ao imaginário
Ler um bom bocado
Suscitar  palavras gentis
Ou reflexivas ideias
Mudança de vida em rimas que queimam o interior
e faz mudar o homem vil
Descrever o belo, quando as palavras ainda não se pode descrever
Viver o amor platônico
E nos contos viver e morrer
Ser poeta
E nas linhas de seus versos um mundo de emoções conter.
Atrever-se a reinventar o mundo
E na magia do inalcançável a inspiração estabelecer.

Paula Belmino


Esta é minha homenagem a todos amigos poetas e os que nasceram com o dom de transformar o mundo e as ações por meio da palavra.

Alice usa Elian

5 comentários:

✿ chica disse...

Linda homenagem e carinho! parabéns pra ti! bjs, chica

Maria Rosa Sonhos disse...

Parabéns pelo seu dia com linda poesia Alice! Beijo! Renata e Laura

Bolhinhas de Sabão para Maria disse...

Que coisa linda!!! Meus parabéns vai em especial a você Paula Belmino! Grande poeta com pressa nos dedos de escrever tudo que vem da alma!

Lindo poema! Parabéns! Beijos doces no coração!

Tê e Maria ♥

Tina Bau Couto disse...

Lindeza de poetar e de menina flor

Toninho disse...

Linda definição dos poetas com suas viagens pelas palavras.
Perfeita construção Paula que cabe bem em voce.
Assim meus parabéns sempre pela inspiração e dedicação à poesia.
Linda Alice nesta ilustração.
Meu carinho no abraço amiga,
Beijo.