segunda-feira, 3 de outubro de 2016

A rosa primeira



A rosa primeira
A mais perfumada
A de suave aroma
Na primavera desabrochada
Encantando o jardim
Colorindo o olhar
Enfeitiçando as borboletas e abelhas
Todos insetinhos que  nela querem morar.
A rosa primeira
A de raro valor
O milagre da vida
Feitura e esplendor.
Rosa que acalma e faz sonhar
Que transborda amor no coração
Enche o peito de afeto
E de amor transbordar o coração.
A rosa primeira
A flor mais delicada
E verdadeira
De uma rosa mágica tenho o cheiro marcado nas mãos.

Paula Belmino

*Homenagem à minha sobrinha Artilia Sara pela passagem de seu aniversário. Hoje a 16ª primavera a florir na minha vida e em nossa família.



5 comentários:

Renata disse...

Parabéns, Artilia! Muita saúde e alegria para você! Beijo! Renata e Laura

✿ chica disse...

Linda poesia,carinho! Parabéns à Artília, que festeja seu s 16 anos! bjs, chica

Bolhinhas de Sabão para Maria disse...

Tão linda a Artília, combinando com o lindo poema! Parabéns e bençãos em sua vida..♥

Tê e Maria ♥

Toninho disse...

Linda apresentação primaveril.
Linda Artilia neste ensaio bela.
Abraços

Juliana Pelizzari Rossini disse...

Ai que sobrinha mais linda, Paula.
Deus abençoe a vida dela, e que venham muitas primaveras...
Linda poesia.
bjs grande
Ju