quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

BERNARDO É QUASE UMA ÁRVORE




Bernardo é quase árvore.
Silêncio dele é tão alto que os passarinhos ouvem
de longe
E vêm pousar em seu ombro.
Seu olho renova as tardes.
Guarda num velho baú seus instrumentos de trabalho;
1 abridor de amanhecer
1 prego que farfalha
1 encolhedor de rios – e
1 esticador de horizontes.
(Bernardo consegue esticar o horizonte usando três
Fios de teias de aranha. A coisa fica bem esticada.)
Bernardo desregula a natureza:
Seu olho aumenta o poente.
(Pode um homem enriquecer a natureza com a sua
Incompletude?)

Manoel de Barros


Alice está cada vez mais apaixonada por Manoel de Barros e desenhou o Bernardo, inspirado nas imagens do aplicativo Crianceiras para a poesia de  Manoel de Barros com o colorido dos lápis de cor CiS

E assim a gente vai vivendo a plena poesia com despropósitos como Manoel de Barros dizia

Alice lê, ouve , canta e toca em seu violão, recita e vai chamando os primos e amigos para também fazer parte do mundo das miudezas e da grandeza da poesia do poeta menino.

Ouçam e se inscrevam em nosso canal no youtube. Deixem lá seus likes! 

7 comentários:

Elza Interaminense disse...

Olá querida Paula, que lindo e emocionante ver sua linda filha amando o que faz, Desenho muito criativo e a história maravilhosa! Parabéns! Grata pela visita e o cementário. Foi muito importante seu incentivo, a aluna Thay, ela leu, amou, ficou feliz e agradecida. Obrigada, abraços

Anônimo disse...

Sempre encantador seu espaço. Beijinhos Paula e Alice!
Zezinha Lins

✿ chica disse...

Manoel de Barros encanta a todos! Lindo desenho! Alice está um amor! beijos, chica

Cidália Ferreira disse...

Boa tarde!
Sempre com postagem brilhantes!! Parabéns

Beijo e um dia feliz

Toninho disse...

Manoel é tudo de bom, simples, belo e profundo.
Que bonito contato da Alice com este poeta especial.
Gosto de ver estas duas meninas neste contato forte com os livros.
Parabéns Paula pelo incentivo e apoio.
Abraços e beijos para as meninas lindas.

Gil António disse...

Poema poderoso e profundo
.
* Soneto escrito no escuro ... em versos de luz sombria *
.
Deixo um abraço amigo

Elza Interaminense disse...

Querida mais uma vez aqui para lhe deixar um carinho. Abraços e o desejo de um dia feliz, extensivo a sua família.