quinta-feira, 26 de abril de 2018

Cadê o fubá? (Dica de Livro)



Quem não gosta de ser amado, e bem cuidado?
Comemorar a vida com os amigos? conversar, colocar o papo em dia?
A história de hoje tem de tudo um pouco, fala de uma mãe cuidadosa, de uma amiga prestativa e dedicada, aberta a conversa e a agradar quem está ao seu lado. A cordialidade do dia a dia que nos gestos simples marca a vida de alguém, como ser bem recebido, ser convidada para um chá da tarde sem ter data especial, mas pelo simples fato de ter uma companhia para conversar, e declarar amizade 



Recebemos da Editora InVerso nossa parceira alguns livros lindos que já nos encantaram por aqui e entre eles: Cadê o fubá? de Silviane Scliar com ilustrações de Oscar  Reinstein , que conta a história de Josefina, uma galinha que adora preparar quitutes para festejar a vida com seus familiares e amigos.



Josefina mora numa casa amarela, rodeada de pomar, e flores sempre à vista também em sua janela, aberta ao sol e aos amigos.
Josefina é casada com o galo Jacó e tem um filho , o pintinho sapeca e alegre.
Josefina está com saudades do seu marido que está viajando e  resolve fazer um chá com bolo de fubá para suas amigas, mas ao chegar na cozinha encontra todos os ingredientes, menos o fubá, que o pintinho tinha devorado escondido.



E agora o que fazer: as amigas já estão chegando, como fazer um bolo de fubá sem o principal ingrediente? Podia Josefina até ir comprar outro, mas eis que surge um problema de repente.

Com texto todo em poesia, com rimas e muito humor, o livro desperta nas crianças o gosto pela leitura, e faz com que ela antecipe as informações através das rimas. Os textos rimados ajudam também a criança ao ler memorizar com facilidade, mais uma oportunidade para desenvolver o gosto pela leitura e alfabetizar.

Alice amou a história , lemos juntas deitadas e abraçadas e depois fomos pra cozinha onde ela resenha a história e prepara o bolo por conta própria dando a receita, outra maneira de vivenciar a poesia real, na cozinha construindo conceitos, oralizando, compreendendo as medidas, e interpretando nas entrelinhas o sentido da história de fazer o bem, ser amigo, ter o prazer de convidar amigos para vivenciar um momento.
No final da história ainda vem a sugestão de trabalhar a receita e fazer um chá da tarde com o amigos, mas como estávamos ansiosas fizemos tudo sem preparo, sem antecipação não foi possível encontrar as amigas, pois estavam na escola, ela ainda foi de casa em casa convidar, mas os amigos não estavam, mesmo assim depois levou bolo mais tarde para os primos experimentarem.



Ela também quis mudar a receita, pesquisou outras na internet para aprender mais e lá na que leu vinha a medida de duas xícaras de açúcar, e na do livor 1 xícara, reduzimos para uma medida, ao invés de manteiga usou óleo, e o leite usou em pó e no vídeo explica por que. Dessa vez ao invés do fubá, quase quem sumia era o leite (risos)
No final deu tudo certo , o bolo dela sem ajuda ficou uma delícia , só não cresceu tanto, pois não usamos fermento, e sim só a farinha, e foi aprendizado para ela perceber a importância das medidas, do fermento para massas mais pesadas , enfim, um livro com grandes ensinamentos e uma história muito divertida 



O livro Cadê o Fubá? além de incentivar a leitura faz aproximar a família , leva a criança a aprender além de ler, pesquisar fazer receita, ir pra cozinha despertando o gosto pelo hábito de criar pratos saudáveis , além de ensinar conceitos matemáticos com experimentação e criação, e muitos outros motivos para ler e interagir com essa história.


Vejam ela se expressando , resenhando e dando a receita do bolo:



Para saber mais do livro curta a página do livro no facebook aqui

e no site da editora adquira

https://editorainverso.com.br/livros/infantil/cade-o-fuba/



4 comentários:

Anete disse...


Um livro bastante instrutivo, crianças precisam de bons incentivos e motivações!...
Muita paz, querida, e um abraço...

Renata disse...

Alice se expressou com amor, lindo! Renata e Laura

Silviane Scliar Sasson disse...

Paula, querida! É muito emocioante, como autora do Cadê o Fubá?, mas também como mãe e super entusiasta da literatura infantil, perceber o alcance do livro e dos prazeres que essa leitura foi capaz de proporcionar a vocês. Muito obrigada por tanto carinho e parabéns por esse lindo trabalho de incentivo à leitura. Um beijo carinhoso

Cidália Ferreira disse...

As suas postagens são um encanto. Essa Menina é uma verdadeira Princesa!! Amei

Boa noite-Beijo