terça-feira, 30 de junho de 2009

voltando ao Ninho






















Voltando ao Ninho


Vivi minha vida como andarilho
e sentia alegria em nômade ser
Livre como passarinho
Podendo onde quisesse
Bastava só a asa bater
Não tinha dono e nem guarida
Era meu canto a liberdade
Hoje sinto falta de viajar,
Meus pés de correr têm ansiedade.
Vivo com meu bem em casa
E mesmo que fosse cabana me sentiria bem
Mas olho o passado pouco triste
Queria poder viajar além
Abraçar meus parentes
Minha cidade natal poder visitar
De onde tanto fugi
Pra conhecer um novo lugar
Hoje sou presa em cidade grande
Pássaro que pousa e não sabe voar
Queria poder voltar a ser andarilho
E a minha mãe poder beijar
Mas nela eu me aportaria
E faria do seu colo meu repousar
Passarinho triste em ninho vazio
Hoje sou sem poder cantar!
Daria o mais belo de seu cantar
Se eu voltasse a voar!
Se eu pudesse ser nômade outra vez
E ao passado retornar
Estaria bem sossegada aos braços de meus amigos
E no acalanto do sertão faria meu lar!

Paula Belmino

* fotos de Lagoa Nova RN e Natal! ano passado!

5 comentários:

Chica disse...

lINDA POESIA E FOTOS! nÃO VAIS DAR UMA ESCAPADA NAS FÉRIAS ? BEIJOS.CHICA

Edna Lima disse...

Aproveita as férias , foge do frio e vai curtir o sol do nordeste..bjs

Anne Lieri disse...

Paula,poesia sensivel e sentimental!Saudade que se transformou em lindos versos!Bjs,

Bergilde Croce disse...

Paula amiga,saudades de vc! Venha nos visitar no blog...Férias no NE é tudo de bom,palavra de quem vai repetir no mesmo ano a boa dose e vindo de tao longe so pra comemorar o niver do F...Abraços!

Georgia disse...

Meus pais vivem em Natal.

Que lindas fotos.

Beijos