segunda-feira, 2 de março de 2009

No silêncio




Quando se faz luz no coração...
Tudo ama,
Tudo acredita,
Tudo suporta,
Pois a luz é amor de Deus que irradia em nós.
Quando se faz canção na alma...
Tudo sorri,
Tudo dança,
Felicidade em si.
Pois a música é a voz de Deus nos colocando em suas mãos.
Quando se faz silêncio em nós...
Tudo pensa,
Tudo reflete,
Tudo se entende,
Por que no silêncio Deus ama e vela por nós
É no silêncio que a nossa alma canta, dança e diz:
Tudo eu posso por que Deus está em mim!

Paula Belmino

2 comentários:

Gleidston dias disse...

Um poema com musicalidade nos seus versos,lindo lindo Paula, adorei sentir e ler sua fé tão viva tão cheia de vitorias, parabens.

otima semana pra voce.

bjcss

Antonia Zilma disse...

Paula, como é que pode um poema mexer tanto com a gente? Acredita que tô emocionada, talvez pelo fato de ser mãe, amiga.Um cheiro grande!