segunda-feira, 30 de março de 2009

Princesa Do Amor








Uma Princesa feliz
Não mora em castelos
Só em sonhos
Num lar de amor.

Uma princesinha sapeca
Que gosta de andar pelo jardim
Perfumando-se
De flor em flor.

Traquina pela casa
Subindo em móveis
Despenteada!
Uma princesa encantada!

Reina sob meu pensamento
E meus sentimentos são seus servos
Ela é a princesa linda que anelo
Minha mais terna oração.

Uma Princesa doce
Adora maçãs
Mas não é a branca de Neve
Adora vestido de festa, mas não é a Cinderela.
Ela encanta com seus cabelos encaracolados
Mas não é a Cachinhos Dourados!

É meio fada essa princesa
Enfeitiça-me de amor
Uma princesa rara de beleza
Em sua vida há muita cor

Princesa das tardes ensolaradas
Da primavera a desabrochar
Do outono em renovação
Do inverno a semear

Princesa em todo tempo
Em qualquer das estações
Menina rainha do perdão
O seu reinado é dentro do meu coração.

Paula Belmino
*Para minha Filha Alice Rute!

4 comentários:

bergilde disse...

O que se pode dizer a mais? Simplesmente,belissima!!!

Chica disse...

Uma maravilhosda princesinha essa! umn beijo e tudo de boim,chica

Mayra Suelen disse...

Que lindo poema :) Parabéns muito meigo!!!1

Anônimo disse...

Que lindo Paula! Peguei para um post de um fã clube meu, mas lhe dei todos os créditos! Muito bonito